.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. O dia está a chegar...

. Há quanto tempo...

. Parvoices!!!

. Tempo de mudança???

. ...

. Que festa maravilhosa!!!

. ...

. Solidariedade!

. Eh, eh!

. Humm, o quê que vem por a...

.favorito

. a sós... com o coração

. Oração a Mim Mesma

. Que dia é este?

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds

Quinta-feira, 17 de Abril de 2008

Pai

Hoje tenho uma sensação tão estranha comigo, uma sensação que é impossível descrever.

Além de nunca (e ainda bem), ter passado por isto antes, acho que mesmo passando ou não, há sentimentos, para os quais nunca conseguimos encontrar uma consolação, algo que faça com que doa menos.

Hoje o meu pai faria 57 anos!

57 anos...

Pouco mais de metade do que ele gostaria, uma vêz que fartava-se de dizer que iria viver até aos 100 anos...

57 anos...

Onde será que os está a celebrar? Será que está? O que será que nos acontece?

Está-me a doer...

Tenho sadades...

Porquê que antes podia sempre estar com ele, mas nem sempre estava, sabia que estava tudo bem, íamos falando e isso só era o bastante para ir deixando para depois, e agora que não posso, tenho esta agonia, este nó na garganta, esta dor que não consigo exprimir em palavras...

Que dor é esta?

Tanto que ficou por fazer...

Tanto que ele gostaria de fazer e não teve tempo para isso...

Onde estás Pai...???

sinto-me: Completamente destroçada...
tags:

publicado por coisasdecoracao às 09:13

link do post | comentar | favorito

11 comentários:
De adnirolfpa a 17 de Abril de 2008 às 10:01
O meu partiu tão cedo que nem lembro .....
Mas está sempre tão presente em mim!!!!!!!!!
Nunca te vais desligar desta angustia. Apenas vais aprender a atenuar e saber lidar com ela.
Lembra-te de viver cada dia Teu tão intensamente como ele gostaria que fizesses, apenas para que fiques com a sensação de que deste uma oportunidade á vida de vivê-la.



De coisasdecoracao a 17 de Abril de 2008 às 10:18
Obrigada, queridas palavras as tuas...
É o que vou tentar fazer,mas este é o primeiro ano que isto aconteçe e está mesmo a ser díficil!
Bjnh grande


De Perfeito Estranho a 17 de Abril de 2008 às 10:04
Tenho 22 anos , não tenho pai desde à muito , apesar de ele vivo ...
Às tantas preferia que ele estive-se como o teu ...

O teu era novo ...

Ele está no teu coração e vive na tua memória ...


Beijinhos muito grandes e com muito miminho do Estranho


De coisasdecoracao a 17 de Abril de 2008 às 10:23
Compreendo-te querido amigo,
Também não deve ser fácil uma situação como a tua, acredita que a minha convivência com o meu pai não foi fácil e talvêz por isso me custe mais, acho que devíamos ter mais consciência de que um dia não vamos mais cá estar para reparar os erros, e por isso não os devíamos cometer, mas é assim o ser humano...
Olha um grande bjnh, e obrigada por tantos miminhos!


De Sorrisoduplo a 17 de Abril de 2008 às 10:18
Sei o que é essa sensação e o meu pai faleceu com 76 anos mas mesmo sabendo que ele viveu muita coisa e acho que foi feliz, custa saber que os seus últimos 9 anos foram de sofrimento e custa ele já não estar entre nós.
acredito que ele nos vê e fica feliz com a nossa felicidade... o teu pai está lá, naquele sitio onde todos são felizes... eu acredito nisso.

Bjinho e força para ultrapassar estes momentos que são sempre difíceis.


De coisasdecoracao a 17 de Abril de 2008 às 10:26
Obrigada.
Eu também acredito nisso, aliás isso ainda é a única coisa que acalma um pouquinho a dor.
É impossivel pensar que desaparecemos pura e simplesmente...
Um bjnh e obrigada pela força


De mafalda a 17 de Abril de 2008 às 17:28
oh querida amiga, queria ter uma palavra de conforto para ti...
não me imagino sem o meu pai... nem quero pensar nisso.
força!
beijinhos.


De coisasdecoracao a 19 de Abril de 2008 às 19:41
Pois é mesmo díficil de pensar.
E também não o queiras fazer, não vale apena, aproveita muito enquanto o tiveres sim?
Bjkinha grande


De Café com Natas a 19 de Abril de 2008 às 01:19
Um abraço apertadinho, tá?


De coisasdecoracao a 19 de Abril de 2008 às 19:42
Obrigada,linda!
Bjnhs


De TiBéu ( Isa) a 2 de Maio de 2008 às 13:47
Pois é, mais uma sem pai. Meu pai faleceu a alguns anos (Muitos) Nunca , mas nunca mesmo esquecerei, e mais grave é que tb já foi a minha mãe. Não consigo dizer mais nada. bjSem.JPG


Comentar post